fbpx

Tudo o que você precisa saber antes de publicar um livro

Publicado por jana em

Você finalmente terminou de escrever seu livro. E é provável que esteja pensando em publicá-lo. E é mais provável ainda que tenha várias dúvidas sobre como publicar um livro, onde e de que jeito fazer.

É uma questão normal para quem está começando. Ou mesmo para quem já se arriscou, mas não conseguiu muito retorno.

Antes de fazer uma tentativa de publicação, leve em conta as seguintes questões:

 

Revisão

Eu sei que você já o revisou N vezes, e é justamente por isso que outra pessoa deve também revisar seu original. Como autores, costumamos viciar nossa leitura, e muitos erros acabam passando despercebidos aos nossos olhos.

É fundamental que um profissional revise a obra, observando eventuais erros gramaticais e de digitação. E não, sua tia que é professora aposentada, ela não pode ser a revisora do seu livro.  Procure um profissional da área, experiente e atualizado, e invista neste trabalho. Lembre-se que seu livro será publicado, e um livro é algo atemporal. Seus bisnetos possivelmente o lerão, e não será legal se ele estiver cheio de erros de português.

 

Revisão II

Quando receber o livro revisado do profissional contratado, leia-o novamente, para ver se está tudo de acordo. O revisor não é uma máquina, e pode, sim, cometer algum equívoco – até por que, não foi ele quem escreveu a história, e muitas vezes um erro de interpretação pode gerar um erro gramatical.

 

Revisão III

Siga os dois itens acima antes de enviar seu original para a editora, certo?

 

Publicação

Você é sortudo, e quer publicar um livro em um tempo onde isso nunca foi tão fácil. Hoje existem muitas editoras especializadas na publicação do novo autor, que trabalham desde tiragens pequenas (30 exemplares), até tiragens maiores (500 exemplares ou mais).

Você também pode publicar de forma totalmente independente. O que lhe dará certo trabalho – o trabalho que seria da editora, neste caso será seu. Caso opte por fazer tudo sozinho, saiba que terá de encontrar um diagramador, para a confecção da capa e do miolo do livro, e depois uma gráfica. Terá que definir tiragem, preço final, distribuição e etc. Seu livro não terá ISBN – a menos que você se cadastre como editor no site do ISBN ao custo de R$220.

Ou ainda você poderá publicar um livro virtualmente, através de plataformas como a Amazon e a Publique-se (sem custo algum), ou com editoras que trabalham somente com e-books (geralmente pagas).

Leia também: 

 

Investimento Financeiro para publicar um livro

Em caso de publicações virtuais, na maioria das vezes não há investimento algum.

E muito raramente a editora assume todo o investimento necessário para publicar um livro de um autor ainda desconhecido.

Desta forma, o mais provável é que você publique ou independente, ou através de uma editora sob demanda, onde o investimento é dividido entre autor e editora, ou fica sob inteira responsabilidade do autor.

Em ambos os casos, você precisará investir dinheiro do próprio bolso.

 

Lucro

O lucro virá sobre a venda unitária dos exemplares. Isto é: se cada livro custou para você R$20, você o venderá por R$30 e ganhará R$10 por livro.

Se vender 500 livros, lucrará R$5.000.

Se vender 5 livros, lucrará R$50.

 

Comercialização

Sim, você terá que vender seu livro. Mas isso não significa bater de porta em porta com os livros embaixo dos braços, nem entupir a caixa de e-mails de seus amigos com links que levam ao seu e-book.

Você pode realizar lançamentos, fazer parcerias com escolas e blogs, ministrar oficinas e palestras, e incluir seu livro em todas estas atividades. Pode vender o livro para amigos, familiares, colegas de trabalho. Através de um release, você pode divulgá-lo na internet, pode divulgá-lo entre os veículos de comunicação de sua cidade.

Etc. etc. etc.

Não esqueça que você ainda não é um autor reconhecido, e se você não falar sobre o seu livro, eu pergunto: quem falará?

 

Distribuição

É importante que se compreenda que ter seu livro na estante da livraria Cultura ao lado do livro do Stephen King não significa que ele irá vender como o livro do Stephen King.

Fora isso, para editoras pequenas e médias, que geralmente publicam o novo autor, vender para grandes livrarias definitivamente não compensa.

As livrarias exigem 50% de desconto sobre o preço de capa, e o frete fica por conta da editora. Então calcule: o custo por exemplar do livro, para a editora, é de R$10. Ele é vendido ao público leitor por R$25. A livraria pede 50% de desconto; logo, cada livro custa R$12.50 para a livraria. Um lucro de R$2.50 para a editora. E ainda tem o frete, que fica por conta da editora.

Isso não vale para grandes editoras, que trabalham com tiragens altas (a partir de mil exemplares) e publicam autores já renomados, que possuem público leitor para bancar esta tiragem alta. Nestes casos, o livro que, para a pequena editora, que imprimiu 200 exemplares, custa R$10, para a grande editora, que imprimiu 2.000 exemplares, custa R$2.

 

Editora

Não envie seu original para a editora Record, Cia. das Letras, editora Globo e etc. Acredite, meu amigo: os originais recebidos sequer são lidos. A maioria destas editoras possui, inclusive, uma carta de recusa padronizada para enviar aos autores que lhes encaminham livros para avaliação.

Logo, evite uma frustração desnecessária e a perda de um tempo precioso, e procure editoras menores, onde suas chances de ser publicado são reais.

E antes de enviar seu original para avaliação em qualquer editora, pesquise sobre a editora em questão. Entenda sua proposta e seu método de publicação. Se ficar com qualquer dúvida, contate a editora, e observe a maneira como é tratado. Converse com autores que já publicaram através desta editora, e só envie seu original para avaliação quando não lhe restar nenhuma dúvida.

Isso será bom para você, que saberá onde está pisando, e para a editora, que não perderá tempo avaliando um original que sequer será publicado.

 

Editora II

Trate sua editora como o que de fato ela é: uma empresa. Não é a fantástica fábrica de chocolate. Se a publicação de um livro, para você, é a realização de um sonho, para a editora é um trabalho, que envolve profissionais de diferentes áreas e trabalha sobre prazos, planilhas e uma série de questões burocráticas chatíssimas, que o autor sequer pode imaginar.

Logo, se quiser ser tratado com profissionalismo, trate com profissionalismo sua editora também.

 

Aprovação

Caso seu original tenha sido aprovado, parabéns.

Evidentemente sua editora lhe encaminhará um contrato de edição. Caso não encaminhe, caia fora. Não se esqueça de que o processo de publicação de um livro é um trabalho como outro qualquer, e um contrato é segurança para ambas as partes.

Recebido o contrato, leia com atenção todas as cláusulas. Se ficar com alguma dúvida, pergunte. Se não concorda com algum ponto, não assine, e procure por outra editora que tenha uma proposta que lhe agrade.

Mas, por favor, não discuta as cláusulas do contrato com a editora. Ela não vai mudar sua proposta editorial por que você acha que ela deve fazer isso. Se não gostou, não assine e fim.

Caso contrário, assine. Sabendo de antemão seus direitos e seus deveres com relação à publicação do seu livro.

***

Ainda sobre publicar um livro

Não importa se você publicar um livro em formato e-book, de forma independente ou através de uma editora. Importa que você conheça todos os prós e os contras de cada possibilidade, e escolha com inteligência e sensatez.

Não tenha pressa, não se atropele.

Pesquise e pense bem, para quando for fazer, fazer bem feito.


Conheça este curso:

   

2 comentários

Gabriel · 14 de maio de 2019 às 3:30 pm

Achei bem interessante essa forma de informar os escritores iniciantes, como eu, um pouco mais de como é o mercado literário e como ele funciona. As vezes achamos que só porque produzimos obras culturais, vamos ser tratados como tal, e com o devido respeito que merecemos. Já ouvi falar bastante que editoras que estão dispostas a publicar livros de novos escritores, esperam mesmo que estes
sejam profissionais em todo o processo de publicação. Mas agradeço pela matéria, ajudou bastante!

    vilto · 21 de maio de 2019 às 8:34 pm

    Maravilha, Gabriel. Estou sempre trabalhando para melhorar.
    Obrigado pelo feedback.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.